Hospitalar faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Reumatismo pode atingir pessoas de todas as idades

De acordo com a OMS são mais de 15 milhões de indivíduos acometidos pela doença, porém engana-se quem pensa que o problema só atinge os idosos

pulse 818378 1920Dor ao esticar o braço sobre a cabeça ou ao elevar os ombros até tocar o pescoço, pode ser um alerta para o surgimento de doença reumática. O conceito de reumatismo é abrangente, trata-se de um grupo de enfermidades que afetam as articulações, músculos e esqueleto. O próximo domingo, 30 de outubro, é o Dia Nacional da Luta Contra o Reumatismo, data importante para alertar a população para o diagnóstico precoce e seu tratamento. Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde) são mais de 15 milhões de pessoas acometidas por doenças reumáticas, mas engana-se quem pensa que só acomete pessoas idosas, elas podem atingir também jovens e crianças.

“As idades de acometimento são variadas, há doenças que se iniciam na infância com a Artrite Reumatoide juvenil, o Lúpus, vasculites como a doença de Kawasaki, que afetam tanto crianças em idade escolar quanto adolescentes. As demais doenças como o Lúpus, a Artrite Reumatoide, Espondilite Anquilosante afetam ampla faixa de idades, de jovens até a meia idade”, explicou o Dr. Guilherme Laranja Gomes, reumatologista do Hospital Alemão Oswaldo Cruz. “Doenças como a Osteoartrite, algumas miopatias e vasculites podem ser mais encontradas em pessoas mais idosas. Entretanto, é importante ressaltar que não há idade específica para cada doença”, complementou.

De acordo com o Dr. Cristiano Zerbini, coordenador do Núcleo Avançado de Reumatologia do Hospital Sírio-Libanês, um outro tipo de reumatismo chamado gota é mais frequente em homens, e pode se apresentar como uma dor muito forte e repentina, geralmente no pé ou no joelho. “A gota está relacionada ao aumento do ácido úrico no sangue e sua deposição nas articulações”, disse.

As doenças reumatológicas podem ter longa duração, podendo causar dor e dificuldade para as atividades diárias. “Muitos pacientes podem sentir ansiedade e depressão relacionadas à demora na melhora dos sintomas, assim como a dificuldade para trabalhar em casa ou no serviço, de se divertir com familiares ou amigos e também à dificuldade ou falta de vontade de ter relações sexuais”, pontuou Zerbini, que ainda acrescentou: “Uma conversa longa e sincera com o médico pode diminuir várias dúvidas e melhorar os conhecimentos sobre a evolução da doença e o que se espera no futuro”.


Segundo o médico, o paciente nunca deve se sentir temeroso em fazer questionamentos, mesmo que sejam problemas de natureza íntima. Conversar sobre seus problemas e possíveis causas de ansiedade pode aliviar a tensão e trazer novo ânimo para a realização do tratamento.

Orientações para tratamento

Para o reumatologista do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, os tratamentos variam de acordo com a forma de acometimento da doença. “Medidas de suporte são sempre necessárias, como controle de pressão arterial, controle de dor, manutenção de mobilidade de articulações e outras condições clínicas”, frisou Gomes. O tratamento específico pode ser realizado com medicações que regulam ou bloqueiam vias características do sistema imune, reduzindo sua capacidade de ação, esses tratamentos são distintos por doença.

Foto2PedalinhoCarciA Carci, fabricante de produtos e soluções para fisioterapia e marca expositora da Feira Hospitalar, dispõe de produtos indicados para fisioterapia (preventiva ou curativa) para reumatismo. “Como o reumatismo abrange vários tipos de doença e, dependendo da evolução, inúmeros produtos podem ser utilizados no tratamento. Entre as soluções estão desde aparelhos para eletroterapia, como turbilhão, infravermelho, entre outros”, pontuou Dirce Harayama Cruz, fisioterapeuta atuante no departamento comercial da empresa.

Foto1Tensmed IVO leque de produtos abrange o Tensmed IV, aparelho neuro estimulador elétrico transcutâneo (Tens) de quatro canais independentes e isolados para utilização em fisioterapia e eletroterapia. Como o Pedalinho Carci, que estimula as articulações de membros superiores (ombro, cotovelos e punhos) e inferiores (quadril, joelho e tornozelos). De forma prática e eficaz, o modelo promove a amplitude dos movimentos.

A empresa também oferece um Infravermelho, que produz relaxamento muscularpor meio de calor superficial que proporciona o alívio da dor, além de aumentar a mobilidade articular e favorecer a regeneração de lesões de tecidos moles e problemas da pele.

 

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar