Hospitalar faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

200404_MV_app.png

MV adapta aplicativo para monitorar casos de coronavírus

Empresa foca em ações de combate à epidemia

Mais um forte nome do segmento de saúde se une à rede de solidariedade que emergiu nesta era da COVID-19. A MV, especializada em gestão e tecnologia, adaptou seu aplicativo Personal Health para torná-lo capaz de integrar dados pessoais do usuário, histórico de saúde e tecnologias com recursos de telemedicina, como teleorientação e teleconsulta.

Disponível para Android e iOS, pode ser baixado gratuitamente. Mas para interagir com usuários, as operadoras de saúde, os órgãos de saúde municipais ou estaduais e as empresas interessadas em acompanhar os parâmetros de saúde de seus pacientes precisam montar salas de situação. Essas salas funcionam da seguinte maneira: 

  1. Após o download do app, o usuário responde a uma série de questões que abordam desde dados pessoais (peso, altura) a histórico de comorbidades e sintomas do momento. 
  2. Casos considerados suspeitos para a COVID-19 têm as informações armazenadas e a evolução clínica acompanhada de acordo com os requisitos do Ministério da Saúde. Febre, tosse, falta de ar, dor no corpo, dor de garganta, calafrio, dor muscular, congestão nasal e coriza são sintomas que devem ser informados no aplicativo, com detalhamento de intensidade (pouco, moderado ou constante), sempre que alterações forem observadas. 
  3. Ao comparar esses dados e detectar sinais de criticidade, a tecnologia emite o alerta para o usuário procurar o serviço de pronto atendimento. 

No caso de pacientes infectados em isolamento domiciliar, o Personal Health permite o acesso ao plano de cuidados traçado pela equipe médica da unidade de saúde à qual o paciente é vinculado, ou seja, à instituição que utiliza a tecnologia da MV.

Dessa forma, prescrições de acordo com sintomas relatados, lembretes para administração de medicamentos, exames realizados, histórico de saúde, cuidados necessários para contato social e um canal de teleorientação ou teleconsulta são funcionalidades presentes que ajudam no monitoramento da evolução clínica

Recursos para hospitais de campanha

Em outra ação direcionada ao período da pandemia, a MV disponibilizou uma plataforma de gestão de informações em saúde para hospitais de campanha sem custos de licença de uso, com isenção de manutenção por 60 dias e com hospedagem de dados gratuita na nuvem da Oracle. Quinze hospitais em todo o Brasil já estão em processo de implantação do sistema para iniciar a operação de atendimento a casos de COVID-19. 

Chamada de Soul MV, a plataforma foi otimizada com recursos de telemedicina, protocolos e alertas específicos para tornar o atendimento a casos suspeitos e confirmados de coronavírus mais assertivos e bem direcionados.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar