Hospitalar faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Fonoaudiologia – Software Fófuuu une medicina e tecnologia no auxílio a crianças com problemas de fala e aprendizado

O projeto, vencedor da segunda edição do Prêmio Empreenda Saúde, reinventa a experiência dos tratamentos por meio de brincadeiras

2.fofuuu O mundo carece de soluções e alternativas para tratamento das cerca de 35 milhões de crianças entre 3 e 6 anos de idade com transtornos de fala. O dado, divulgado pela ASHA – Associação Americana de Fala, Linguagem e Audição, aponta que somente no Brasil são cerca de 700 mil crianças. E é justamente por isso que o setor vê com bons olhos o investimento e a inovação para atendimento a esta parcela da sociedade, como é o caso da Fófuuu, startup liderada por Bruno Tachinardi que, por meio de jogos, faz com que crianças com dificuldades de fala realizem atividades com prazer, aumentando o engajamento e, ao mesmo tempo, facilitando a vida dos pais e o acompanhamento dos fonoaudiólogos.

Vencedor da segunda edição do Prêmio Empreenda Saúde, cuja cerimônia foi realizada em novembro no Instituto Sírio-Libanês de Ensino e Pesquisa, em São Paulo, o projeto une a medicina e a tecnologia de software para o desenvolvimento de exercícios divertidos que utilizam, como interface, o videogame. O objetivo dos criadores é reinventar a experiência dos tratamentos por meio de brincadeiras, impactando positivamente a vida e o desenvolvimento dessas crianças.

Reduzindo o desconforto provocado pela repetitividade dos exercícios, o que gera uma dificuldade de adesão ao tratamento, a solução transforma a lista de atividades em missões divertidas que guiam pais e filhos de forma lúdica. É possível, inclusive, realizar atividades de sopro, sons e reconhecimento de voz utilizando o microfone do tablet ou do smartphone. Outra grande vantagem é que o sistema permite a criação de rotinas de atividades e possibilita, também, que o profissional acompanhe a execução e a evolução dos exercícios à distância.

Prêmio Empreenda Saúde – Realizado pela everis, multinacional de consultoria que oferece soluções de estratégia e de negócios (Grupo NTT DATA), o prêmio Empreenda Saúde contou com 208 projetos inscritos em sua segunda edição. A premiação, que incentiva o empreendedorismo e a inovação, além de auxiliar no desenvolvimento de talentos e reconhecimento de negócios com grande potencial no setor da saúde, destaca projetos para melhorias em três áreas: Assistência Integral à Saúde, Eficiência em Produtos e Processos Assistenciais, e Mecanismos de Integração Educacional e Saúde.

Como vencedora, a startup Fófuuu recebeu R$50 mil em barras de ouro, além do suporte e acompanhamento profissional especializado da everis para que possa colocar o plano de negócios em prática. "Desse modo, estamos estimulando o surgimento de novos talentos que trarão grandes contribuições não só ao país, como também ao mundo", comenta o presidente mundial da everis, Fernando Francés.

Todos os trabalhos inscritos são avaliados por um corpo de jurados composto por representantes das áreas de ensino, pesquisa, inovação e empresários do setor que analisam a aplicabilidade, a inovação e o nível de contribuição para melhoria do sistema de saúde. Em 2016, outros quatro projetos foram listados como finalistas além do Fófuuu: Listen (aplicativo para smartphones que permite às pessoas com perda auditiva ouvirem com maior definição), Sistema para Retinografia de alta resolução (equipamento portátil para exame de retina consonante com telemedicina), Beone Tech (tratamento para pé diabético e feridas de difícil cicatrização) e Nuclearis (ferramenta para medicina nuclear que rastreia a desintegração dos radiofármacos).

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar