Hospitalar faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Unesp tem Scanner de Veias que ajuda quem tem medo de agulha

O aparelho ameniza o sofrimento do paciente

1.scannerO Centro de Assistência Odontológica à Pessoa com Deficiência da Unesp, em Araçatuba (CAOE) conta agora com a ajuda de um Scanner e Localizador de Veias em seus atendimentos às pessoas com algum tipo de deficiência. O aparelho, recebido como doação é uma alternativa de amenizar o sofrimento do paciente e ajudar médicos e enfermeiros a encontrarem a veia mais facilmente.

O Scanner ACCUVEIN AV300 humaniza o atendimento e proporciona satisfatória visualização da veia, punção mais rápida, melhor controle da dose injetada e sedação endovenosa, mais segura. Ele foi doado pela Ação Social Cooperada SicoobCredicitrus ‎e Coopercitrus. Além de ser usado na hora de sedar alguns pacientes diante de diversos tratamentos, também pode ser usado em todo tipo de procedimento que é necessário encontrar a veia do paciente, como na retirada de sangue.

De acordo com a supervisora do CAOE, a professora Alessandra Marcondes Aranega, a maioria dos pacientes sofre de momentos de ansiedade antes da punção venosa, principalmente por gerar alguma possibilidade de desconforto. “O equipamento é colocado em um ângulo de 90º sobre a pele, que utiliza raios infravermelhos para achar veias na hora da punção venosa do paciente. O feixe de luz infravermelha emitido pelo aparelho é absorvido pelas hemoglobinas do sangue, proteínas que possuem ferro em sua composição. A partir disso, o dispositivo traduz esses dados, destacando as veias e possibilitando a identificação. Com ele é possível obter parâmetros fundamentais para a punção da veia: calibre e diâmetro; trajeto e bifurcações; fluxo e permeabilidade”, acrescenta.

O aparelho fica localizado no consultório onde são realizados os atendimentos e procedimentos odontológicos sob sedação consciente. Segundo a professora Alessandra, são atendidos aproximadamente quatro pacientes por dia. “São pacientes idosos, crianças, autistas, esquizofrênicos, com retardo mental, obesos, com síndromes diversas, e pacientes com difíceis acessos venosos”.

O Scanner, que custa atualmente R$ 30.922,50 possibilita atendimento com mais agilidade e precisão. Ela ressalta que quanto pior a visualização da veia, maior a chance de um vaso se romper durante a coleta e gerar hematomas. “O aparelho possibilita a visualização de veias com até 7 milímetros de profundidade. Ele pesa apenas 280 gramas e não precisa ser esterilizado, já que não tem contato com o paciente”, diz.

A supervisora explica que para o CAOE, este Scanner e Localizador de Veias tem se tornando imprescindível, porque favorece a eficácia nos procedimentos da equipe de enfermagem no ato de punção sem causar traumas e desconfortos aos pacientes.

A professora agradece à associação que fez a doação, e explica que isto tudo só é possível graças a eles.

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar