Hospitalar faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Modelos integrados e o impacto na jornada do paciente: no ar, mais um episódio do Podcast Saúde Business

podcast saude business ep 7.jpg
As convidadas falaram sobre a importância da Atenção Domiciliar durante a pandemia e no tratamento dos pacientes pós-Covid-19.

O 7º episódio do Podcast Saúde Business está no ar! Dessa vez, o tema levado para debate foi “Modelos Integrados de Ações e Serviços de Saúde: impactos na jornada do paciente” e estiveram presentes para ampliar a discussão a Dra. Gisele Couto, CMIO — Chief Medical and Information Officer na Oli Saúde e Consultora de Soluções em Saúde na GC Consultoria e Soluções em Saúde e a Dra. Hashilla De Cicco — Superintendente responsável pela área de transição de cuidados na SulAmérica — São Paulo/SP. 

ep 7.JPG

Dra Hashilla di Cicco, durante debate na Hospitalar.Dra Hashilla di Cicco.jpg

Durante a conversa, a Dra. Hashilla ressaltou que, durante a pandemia da COVID-19, a área de atenção domiciliar e cuidados integrados passou por diversos desafios. “Foram enormes, principalmente relacionados a ocupação hospitalar, disponibilidade de leitos e recursos. A atenção domiciliar teve um papel fundamental e bastante definidor nesse processo de disponibilização de leitos e principalmente na desocupação do hospital”, disse. 

A pandemia da COVID-19 e a síndrome pós-doença fizeram com que os hospitais de transição fossem bastante procurados pela população. A Dra. Gisele reforçou ao longo do debate a importância dessas unidades. “Graças a esses hospitais, obtivemos excelentes resultados na reabilitação e o retorno dos pacientes às atividades normais do dia a dia foi algo que tem sido muito positivo”. 

Em outro momento, entraram na pauta os modelos de remuneração do Home Care, que ambas acreditam estar passando por uma evolução. A superintendente responsável pela área de transição de cuidados na SulAmérica disse que há uma grande oportunidade em relação aos modelos que relacionam a performance do prestador ao desfecho do paciente. 

Apesar de ter sido fundamental durante o período da pandemia, a área da atenção domiciliar ainda é pouco discutida nas universidades de medicina do país. A Dra. Gisele reforçou que os profissionais da área de medicina geralmente são treinados para atuar de maneira independente, enquanto na atenção domiciliar é necessário um tratamento multidisciplinar. “Médico, enfermeiro, fisioterapeuta, educadores físicos devem trabalhar juntos. Precisamos atingir a meta para o paciente melhorar e estabilizar clinicamente. Isso não é construído apenas com o médico e sim com uma equipe multidisciplinar”, ressaltou. 

Dra Gisele Couto, durante debate na HospitalarDra Gisele Couto.jpg

Oferecido pela Hospitalar, o Podcast Saúde Business apresenta debates e entrevistas com temas importantes e convidados relevantes do setor, trazendo as principais tendências em gestão e atualizações do mercado. 

Para ouvir todos os episódios do Podcast Saúde Business, acesse o link e confira! 

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar